O processo do nascimento dos dentes em um bebê já é conhecido por muitos. Afinal, todos sabem das reações e desconfortos que a criança sente nesse período. Mas quando isso ocorre? O que fazer para amenizar os sintomas? Vamos falar um pouco sobre isso hoje!

A iniciação da dentição geralmente se inicia por volta dos 6 meses do bebê, mas alguns casos podem ser mais antecipados ou mais tardios, podendo acontecer desde os 4 meses até 1 ano de idade. A arcada dentária é completada por volta dos 3 anos da criança, e é composta por 20 dentes.

Alguns dias antes dos primeiros dentinhos nascerem os pais já observam algumas reações no bebê. Geralmente a erupção dos dentes vem acompanhada de dores ou inflamações nas gengivas, que ficam mais doloridas, inchadas, avermelhadas e sensíveis. Além disso, pequenos quadros de febre e a salivação em excesso também são características dessa fase. Como consequência desse quadro, há mudanças no comportamento da criança, que fica mais irritadiça, passa por alterações de apetite e sono e começa a morder objetos com maior frequência.

Existem alguns modelos de mordedores que auxiliam no dia a dia. Mordedores que podem ser levados ao congelador são um recurso universal, já que podem ser usados sem medo de reações. Outra técnica muito adotada pelas mamães é a utilização de paninhos umedecidos em água fria, que também ajudam a amortecer as gengivas. Mas o melhor caminho para passar essa fase sem grandes incômodos é buscar um especialista. O odontopediatra é o profissional capacitado para analisar cada caso, podendo indicar métodos naturais ou anestésicos para amenizar as dores e desconfortos, que podem variar de acordo com a saúde geral do bebê e seu desenvolvimento. É importante seguir as instruções dadas por um especialista, já que alguns bebês podem ter reações alérgicas ou não estar com a gengiva apta para algumas técnicas, podendo causar danos à sua saúde.

Vale ressaltar que o acompanhamento do odontopediatra também é importante para que os dentes da criança sejam cuidados desde o início, com acompanhamento odontológico, limpeza regular e uso dos produtos corretos.